O verdadeiro espírito do Natal faz diferença na oração

Como é bom descobrir o significado mais profundo do Natal e, assim, encontrar a cura genuína! Podemos ter Natal e curas, todos os dias!

O Natal e a certeza da cura

O Natal e a certeza da cura

A mais simples experiência de cura na Ciência Cristã nos mostra que o aparecimento do Cristo, a Verdade, é para todo o sempre, inclusive para nossa própria época.

© Steve Debenport/E+/Getty Images. Modelo utilizado apenas para ilustração.

...eis aqui vos trago boa nova de grande alegria, que o será para todo o povo: é que hoje vos nasceu na cidade de Davi, o Salvador, que é Cristo, o Senhor...

—Lucas 2:10-11

O Cristo era o Espírito ao qual Jesus se referiu nas suas próprias declarações: “Eu sou o caminho, e a verdade, e a vida”; “Eu e o Pai somos um”. Esse Cristo, o caráter divino do homem Jesus, era sua natureza divina, a santidade que o animava.

—Mary Baker Eddy, Ciência e Saúde com a Chave das Escrituras, p. 26

Um Natal eterno

Um Natal eterno

Visto que Jesus demonstrou o Cristo eterno, ou ideia divina, que não tem nem nascimento nem morte, foi-nos concedido o precioso dom da cura divina.

© CasarsaGuru/E+/Getty Images. Modelos utilizados apenas para ilustração.

 O que Deus nos dá não acaba

O que Deus nos dá não acaba

Ao orar a respeito de suprimento durante a época natalina, a autora deste artigo compreendeu que a provisão verdadeira é a riqueza das ideias ilimitadas, úteis, construtivas; ideias que pertencem a nós por reflexo e que todos podemos utilizar para abençoar outras pessoas.

© TuiaDesign/iStock/Getty Images Plus

Receber a cura pelo Cristo

Receber a cura pelo Cristo

As mensagens a respeito de como o grande amor de Deus por nós nos guia e nos mantém espirituais e completos são os pensamentos corretos que satisfazem as nossas necessidades.

© zeljkosantrac/E+/Getty Images. Modelos utilizados apenas para ilustração.